Os Croquettes do Dzi: o novo bloco carnavalesco que trará o glamour e purpurina dos anos 70 e 80

0

Os Croquettes do Dzi são o mais recente bloco carnavalesco de São Paulo, que promete reviver o brilho e a exuberância das festas das décadas de 70 e 80. Com um repertório que abrange desde clássicos como “Vassourinha” até “Alegria Alegria” de Caetano Veloso, passando por Carmen Miranda e Elis Regina, além das Frenéticas, o bloco mesclará marchinhas, sambas enredo, disco, funk e muita irreverência, plumas e paetês, performances e surpresas. Assim como os DZI CROQUETTES, esse novo bloco trará algo inusitado e arrebatador, sendo uma verdadeira festa dionisíaca, ou melhor, “Dzinianica”.

Criado em 2023, após um café pós-carnaval entre Ciro Barcelos (DZI) e Paulo Marcel (ventilador de talentos), o desejo de ter um bloco que trouxesse a essência do Dzi Croquettes, considerando que em 2021, mesmo em meio à pandemia, o grupo DZI CROQUETTES completou 50 anos de sua formação. Por que não celebrar essa vanguarda, que deu origem às Frenéticas, Asdrúbal e Secos e Molhados, entre tantas outras expressões cênicas e intervenções artísticas? É mais que merecido uma homenagem para agradecer a esses pioneiros e também para trazer à tona figuras como Leny Dale, uma personalidade por trás de Elis Regina e de vários outros artistas brasileiros.

Com o objetivo de ir além de uma homenagem passageira, surge o bloco “Os Croquettes do Dzi”, que busca reunir todas as expressões artísticas de São Paulo em uma grande festa que acontecerá no domingo após o carnaval, mantendo assim o espírito de que a festa não pode parar e que o show precisa continuar.

E para conduzir essa brincadeira, Paulo Marcel montou a banda “Tá Boa Santa”, composta pelos vocais de Samira Audi, André Chechia e Allan Bless, a guitarra do maestro André Perini, o baixo de Juma, o trombone de Wil Bica (diretor musical), os trompetes de Daniel Nascimento e Braga, a percussão de Ed Encarnação, a bateria de Gongom, e as madrinhas Aline Deluna (indicada ao prêmio Shell pelo papel de Josephine Baker) e a diva da noite paulistana Silvetty Montilla. Tudo isso com a direção artística e performance de Ciro Barcelos.

No cortejo do bloco, já estão confirmadas as presenças de Bayard Toneli e Cláudio Tóvar, fundadores do DZI CROQUETTES, e de Maria Alcina, que cantará três músicas, incluindo uma inédita que será lançada no dia 24 no evento “Carnaval dos Croquettes do Dzi” na Blue Space, com a presença da diva, é claro.

Antes do cortejo, o bloco realizará duas festas, a primeira no dia 24 de janeiro, véspera de feriado, na Blue Space, e a próxima ainda será divulgada.

Serviço:

CORTEJO – DIA 18 DE FEVEREIRO, PRAÇA ELIS REGINA-BUTANTÃ, concentração 10h da manhã

GRITO DE CARNAVAL DOS CROQUETTES DO DZI

Local: Blue Space

Rua Brigadeiro Galvao 723

Barra Funda. Horario: 23h as 6h.

Estacionamento ao lado da Faculdade Osvaldo Cruz.

Capacidade 800 pessoas

Ingressos a partir de R$30: https://bileto.sympla.com.br/event/90290

Ficha técnica OS CROQUETTES DO DZI

Fundadores: Ciro Barcelos, Paulo Marcel

Produção e realização: VENTILADOR DE TALENTOS

Assessoria de imprensa: Flavia Fusco assessoria

Designer e social mídia: Pierre Nunes

Banda: TÁ BOA SANTA

Maestro: André Perini (guitarra)

Diretor da banda: Wil Bica- trombone

Diretor Artísitico: Ciro Barcellos

Coordenador geral: Paulo Marcel

Vocais: Samira Audi, André Chechia e Allan Bless

Trompetes: Daniel Nascimento e Braga

Bateria: Gongom

Percussão: Ed Encarnação

Baixa: Juma

Convidados especiais: Silvetty Montilla, Aline Deluna, Maria Alcina, Claudio Tóvar, Bayard Toneli, Tchaka, entre outros…..


Deixe um comentário ou dica do que gostaria que pudéssemos trazer de novidade para vocês. E se curte nosso CANAL faça uma doação de qualquer valor para que possamos continuar com esse trabalho.

PIX: (11) 98321-7790
PayPal: [email protected]

TODO APOIO É IMPORTANTE.

Compartilhar.

Sobre o Autor

DEIXE UM COMENTÁRIO

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.