Ação policial na Rússia: boates LGBT+ sofrem invasão após proibição do movimento

0

Após proibição do movimento LGBT+ pela Suprema Corte, polícia russa invade festas e bares destinados à comunidade LGBT+ Dois dias após a Suprema Corte russa declarar o “movimento LGBT internacional” uma organização terrorista, ocorreram invasões em festas e bares voltados para a comunidade LGBT+.

Uma das batidas ocorreu em um clube de Moscou, onde cerca de 300 pessoas estavam participando de uma festa. Segundo uma testemunha entrevistada pelo canal Ostorojno Novosti no Telegram, durante a festa a música foi interrompida e a polícia começou a entrar nos corredores, solicitando até mesmo a verificação dos passaportes dos cidadãos estrangeiros presentes. Essa tática já havia sido usada para fechar clubes semelhantes em São Petersburgo.

As batidas policiais não se limitaram apenas a Moscou, tendo ocorrido também em outras cidades, incluindo São Petersburgo, em locais frequentados pela comunidade LGBT+, de acordo com informações divulgadas pelo Globo. Anteriormente, as pessoas LGBT+ enfrentavam o risco de receber multas pesadas por “propaganda”, mas não eram sujeitas a prisões.


Deixe um comentário ou dica do que gostaria que pudéssemos trazer de novidade para vocês. E se curte nosso CANAL faça uma doação de qualquer valor para que possamos continuar com esse trabalho.

PIX: (11) 98321-7790
PayPal: [email protected]

TODO APOIO É IMPORTANTE.

Compartilhar.

Sobre o Autor

DEIXE UM COMENTÁRIO

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.