Dia dos Namorados: Marcas investem em propaganda com casais homossexuais

0

Campanhas inclusivas também são mercadológicas, pois segundo o Censo 210, os casais homossexuais ganham mais que os heteros.

As campanhas de Dia dos Namorados estão abrangendo casais formados por pessoas do mesmo sexo. Cada ano que passa, um número maior de empresas passam a fazer propagandas com casais de gays e lésbicas.

Este ano as Lojas Americanas patrocinou nas redes sociais anúncios com dois homens quase beijando com os dizeres “Pra quem ama dia dos namorados”.

A empresa não foi a única, a loja Riachuelo também está investindo na propaganda para casais homossexuais. Além de publicações patrocinadas, a empresa colocou em seu site várias fotos de formações diferentes de casais, incluindo casais com pessoas do mesmo sexo.

Além disso, a Riachuelo fez vídeos com três casais: uma casal de lésbicas, um casal interracial e um casal heterossexual de pessoas brancas.

Inclusão ou estratégia de vendas?

Outras marcas já mostraram suas posições em relação a homoafetividade e geraram grande repercussão nas redes sociais. Mas além de promover a “inclusão” desse grupo de pessoas, também há a intenção mercadológica por trás dessas ações.

Segundo o Censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), os casais homossexuais brasileiros têm, proporcionalmente, renda média mensal maior que a de casais heterossexuais.

A diferença salarial entre casais pode justificar o poder do grupo em atrair cada vez mais marcas a seu favor. Para se ter uma ideia, apenas 3,4% dos casais heterossexuais recebem de 5 a 10 salários mínimos, entre os casais homoafetivos essa porcentagem é de 9,55%.

Em relação a salários menores, de 1 a 2 salários mínimos, 25,14% são casais homossexuais e 10,56% são homossexuais. O mesmo acontece com o público de 2 a 5 salários mínimos onde 50,5% são homossexuais e 10,56% dos casais são heterossexuais.

JM Notícia

 

Compartilhar.

Sobre o Autor

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Athosgls 21 anos fazendo a diferença na comunidade LGBT Mundial. Marca registrada.