Casal homossexual atacado numa paragem de autocarro em Dublin

0

“Isto é o que é ser lésbica na Irlanda”, comentou uma das vítimas nas redes sociais.

Robyn Deane revelou nas redes sociais que sofreu um ataque homofóbico, na passada segunda-feira, enquanto estava numa paragem de autocarro com a namorada, no centro da cidade de Dublin, na Irlanda.

Ambas ficaram com ferimentos que expuseram no Instagram. Nas fotografias partilhadas pode ver-se o rosto de Robyn Deane desfigurado. Contudo, a irlandesa revelou que a sua namorada Kate estava “bem”.

Robyn Deane fez uma publicação com a  legenda: “Eu e a Kate acabamos de ser agredidas. Isto é o que é ser lésbica na Irlanda”, onde acrescentava que estava no hospital.

Foi lançada uma arrecadação de fundos para ajudar a pagar os custos médicos, terapia e outras despesas que possam surgir ao casal, relata o Dublin Live.

No peditório pode ler-se: “Ontem à tarde, Robyn e Kate foram agredidas em Dublin, num ato de homofobia. O incidente causou grandes danos emocionais e físicos. Este GoFundMe serve para apoiar e mostrar amor a Robyn e Kate enquanto elas recuperam do incidente traumático”.

“Como ainda não temos certeza do valor exato necessário para cobrir os custos de Robyn e Kate, qualquer doação em excesso será dada a instituições de caridade LGBTQ+ com sede na Irlanda”, informa o site que recebe as doações.

A vítima publicou recentemente uma mensagem a informar que está a decorrer um investigação por parte das autoridades focada em dois suspeitos masculinos e agradece por existir quem testemunhou o ataque, acrescentando que será uma “longa recuperação”.

Instagram Robyn Deane © Reprodução Redes Sociais

Notícias ao MinutoInstagram Robyn Deane © Reprodução Redes Sociais

Notícias O Minuto

Compartilhar.

Sobre o Autor

DEIXE UM COMENTÁRIO

Athosgls 21 anos fazendo a diferença na comunidade LGBT Mundial. Marca registrada.