O príncipe-rosa activista pelos LGBT

0

por Sónia Bento

Contra tudo e contra todos, o príncipe indiano assumiu a sua sexualidade e dedicou-se à causa gay. Viveu agora um dos dias mais felizes da sua vida

Quando, em 2006, o príncipe indiano Manvendra Singh Gohil assumiu publicamente a sua homossexualidade, enfrentou não só o conservadorismo da família como uma das sociedades mais homofóbicas do mundo. Os pais expulsaram-no do palácio e deserdaram-no, e nas ruas as pessoas vaiaram-no e queimaram as suas fotos.

Ele não se deu por vencido e tornou-se activista dos direitos dos gays. No passado 6 de Setembro teve a compensação da sua luta, com a abolição da lei que remontava ao domínio imperial britânico e condenava a prisão perpétua quem praticasse actos homossexuais.

Manvendra tornou-se numa espécie de celebridade. Foi convidado para ir ao proigrama de Oprah Winfrey e participou num episódio do reality-show do clã Kardashian.
Na edição n. 754 da SÁBADO, nas bancas, leia na íntegra o artigo “O príncipe-rosa activista pelos LGBT”.

 

 

http://www.sabado.pt/social/detalhe/o-principe-rosa-activista-pelos-lgbt?ref=DET_Patrocinados_nuno-costa-santos

Compartilhar.

Sobre o Autor

Comments are closed.