S�bado, 23 de Mar�o de 2019
Adicionar a Favoritos RSS Facebook Linkedin Twitter Wordpress
   
Selecione abaixo:



Anuncie AQUI
Celebridades GLBT
ClicRN
Estadão
Folha on Line
Istoé
Jornal da Paraíba
Paradas gays - News
Portal de Picos
Portal Terra
Saúde
Ultimas Notícias
Outras notícias
STF vota fim da proibição de doação de sangue por homossexuais
Jovem é agredido e ameaçado de morte, em festa, por ser homossexual
Dragon Ball Super: Elenco fala sobre possibilidade de Whis e Bills serem gays
Doação de sangue e o Supremo: saúde e igualdade
Frota perde ação, diz que juiz é do movimento gay e “julgou com a bunda”

Bispos luteranos da Noruega se dizem a favor do casamento gay

18/10/2013:

 

Questão vai ser discutida em sínodo em abril de 2014.
País é um dos mais liberais no tema de direitos dos homossexuais.

 

Da AFP

 

Uma maioria dos bispos noruegueses se mostrou a favor do casamento religioso entre homossexuais, anunciou a Igreja da Noruega nesta quinta-feira (17), a seis meses da celebração de um sínodo que se pronunciará sobre este tema.

 

Durante uma reunião da Igreja Luterana da Noruega, oito bispos se disseram partidários de autorizar as uniões religiosas entre as pessoas de mesmo sexo, frente a quatro que se opuseram.

 

Conscientes de que esta questão provoca divisões dentro da Igreja, a maioria propôs que, em um primeiro momento, se introduza uma liturgia simples que acompanhe o casamento civil, algo que a minoria dos bispos conservadores também é contrária.

 

O tema será discutido no próximo sínodo da Igreja da Noruega, em abril de 2014.

 

A Noruega é um dos países mais liberais da Europa em termos de direitos dos homossexuais. Tanto o casamento civil quanto a adoção por parte de casais gays são permitidos desde 2009, e a Igreja também autoriza a ordenação de homossexuais.

 

Sua vizinha Suécia vai mais longe, pois já permite o casamento religioso entre pessoas do mesmo sexo desde 2009.

 

 

 

Comente esta matéria
Título: Bispos luteranos da Noruega se dizem a favor do casamento gay
Seu nome:
Seu Estado:
Seu e-mail:
Comentário:
Segurança: Confirme o código:
OBS.: Nos reservamos o direito de deletar toda e qualquer mensagem contendo palavões, baixarias ou até mesmo termos homofóbicos. Favor respeitar as devidas fontes de cada matéria.
Comentários
Não há comentários.