“Me reconheci lésbica numa época em que ser homossexual não tinha nenhum glamour”, revela Nadia Bochi, repórter do Mais Você

0

Repórter especial do Mais Você, apresentado por Ana Maria Braga na Globo, e tendo participado da primeira formação do Profissão Repórter quando ainda era um quadro dentro do Fantástico, a jornalista Nadia Bochi escreveu um texto onde revela quando se descobriu lésbica.

Postado em sua conta oficial no Linkedln, Nadia conta que a sociedade era outra naquele momento. Ela usou como exemplo a morte de personagens lésbicas na novela Torre de Babel, produzida em 1998 pela Globo.

“Me reconheci lésbica numa época em que ser homossexual não tinha nenhum glamour. Não existia beijo gay nas novelas, pelo contrário as lésbicas explodiam junto com os prédios. Aliás, até no cinema era difícil demais encontrar algum tipo de casal que me representasse”, contou Nádia.

Com passagem importante pela HBO Brasil, Nadia Bochi revela que a redação brasileira era composta, de boa parte, por gays. Ela revela que, nesse sentido, foi privilegiada, pois muitos não poderiam falar de seus afetos no trabalho, escondendo de quem gosta por medo do preconceito.

“Na HBO Brasil, um quarto da redação era queer e esses meus colegas não só amavam pessoas do mesmo sexo, como falavam sobre seus afetos ali, entre uma pauta e outra, ao telefone, no almoço. Era como se fosse fácil ser feliz e de fato era. E deveria ser assim pra todo mundo! Sei do privilégio que tive e é desse lugar que escrevo até hoje”, revelou a jornalista.

Repórter na Globo faz 15 anos, ela revelou que já sofreu assédio, como a maioria das mulheres brasileiras, mas que todas as empresas que trabalhou sempre tiveram política contra isso.

“Há 15 anos sou repórter da GLOBO e entro na casa de milhões de pessoas com tudo que me constitui: meu profissionalismo, sensibilidade, a voz, os ouvidos e também o meu jeito de amar. Ando de mãos dadas com a minha namorada nas ruas. E uma das descobertas mais felizes que tive é que muitas pessoas simplesmente não se importam com isso”, comentou Bochi.

Nos comentários, Nadia está sendo elogiada pela coragem de expor sua vida pessoal e sua sexualidade, num mundo cada vez mais intolerante. “Texto corajoso e inspirador”, comentou uma pessoa. “Parabéns pela coragem”, afirmou outra.

 

 

https://observatoriodatelevisao.bol.uol.com.br/noticia-da-tv/2018/06/me-reconheci-lesbica-numa-epoca-em-que-ser-homossexual-nao-tinha-nenhum-glamour-revela-nadia-bochi-reporter-do-mais-voce

Compartilhar.

Sobre o Autor

Comments are closed.