Governo de Cuba remove da nova Constituição legalização do casamento gay

0

Mudança foi alvo de campanha contrária de igrejas católica e evangélicas; comissão liderada por Raúl Castro quer transferir debate para lei ordinária

HAVANA – A comissão encarregada da redação final da nova Constituição de Cuba removeu nesta terça-feira uma emenda que abriria as portas para a legalização do casamento gay na ilha. Liderada por Raúl Castro, que deixou a Presidência cubana mas continua no comando do Partido Comunista, a comissão propôs à Assembleia Nacional que remova completamente o conceito de casamento da nova Constituição.

Em vez disso, a proposta da comissão é que a questão seja abordada na lei ordinária, pelo Código das Famílias, texto que deve ser atualizado logo após a nova Constituição ser aprovada. A Assembleia Nacional está decidida a votar o texto final da Carta nesta semana, e o documento será submetido a um referendo nacional no início de 2019.

“A comissão propõe remover o conceito de matrimônio do projeto da Constituição como forma de respeitar todas as opiniões”, informou a Assembleia Nacional em sua conta no Twitter.

 

OGlobo

Compartilhar.

Sobre o Autor

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of
Athosgls 21 anos fazendo a diferença na comunidade LGBT Mundial. Marca registrada.