Cynthia Nixon: de estrela de ‘Sex and the City’ para política nova iorquina

0

Cynthia Nixon é normalmente reconhecida como uma das quatro protagonistas da série e dos filmes Sex and the City, onde interpretou a personagem Miranda Hobbes. Mas, desde março deste ano, a também ativista deu o salto para a política, ao apresentar-se para as eleições primárias do Partido Democrata que vão escolher o candidato ao cargo de Governador do Estado de Nova Iorque.

Nixon, de 52 anos, anunciou em março deste ano que seria candidata às eleições primárias, de onde sairá o representante do Partido Democrata para a eleição do Governador do Estado de Nova Iorque, a principal figura responsável pela gestão do Estado.

As primárias estão marcadas para 13 de setembro, com a eleição geral a ocorrer a seis de novembro de 2018, nas chamadas eleições intermédias (midterms), já que também serão eleitos, nessa data, os 435 deputados da Casa dos Representantes (House of Representatitves) e uma parte considerável dos 100 lugares do Senado (Senate).

Mas como ocorreu a transição de uma estrela de ficção para uma combatente política? E quão fácil está a ser a sua campanha eleitoral?

Luta na defesa da escola pública e dos direitos LGBTQ

Segundo o The Cut, uma das primeiras causas públicas que levou a atriz para a intervenção cívica foi a defesa da escola pública, algo que se iniciou no início deste milénio. Com Michael Bloomberg como mayor do município de Nova Iorque, foram propostos cortes orçamentais para as escolas públicas, o que levou Nixon a tornar-se porta-voz da Alliance for Quality Education, com vista a promover um acesso livre e equitativo ao sistema público de ensino. Em 2006, num artigo do New York Magazine sobre a atriz, já era mencionado o seu apoio não só à escola pública, como ao transporte público.

Nixon tem igualmente batalhado pela educação e direitos LGBTQ, bem como pelos direitos reprodutivos. Em 2010, participou numa campanha de lobbying que visava remover dos cargos os políticos de Nova Iorque que votaram contra a igualdade de casamento. Já em 2016, escreveu um ensaio para a Time entitulado Abortion Rights Are Human Rights.

Por último, e sem qualquer surpresa, Cynthia Nixon mobiliza-se com frequência em iniciativas de oposição a Donald J. Trump, atual Presidente dos EUA.

‘Cynthia Nixon for Governor’: uma batalha política difícil

Cynthia Nixon lançou-se oficialmente na corrida a 19 de março, altura em que publicou no YouTube um vídeo de campanha entitulado Cynthia Nixon for Governor.

O The New York Times refere que Nixon tem apresentado uma campanha progressista e com desdenho pelo centrismo político. O aumento de impostos para os mais ricos, uma visão crítica da atual política imigratória dos EUA e a legalização da marijuana são algumas das suas bandeiras de campanha.

Contudo, Nixon entrou numa missão considerada muito difícil. Do outro lado das primárias democratas está Andrew Cuomo, um titã da política nova iorquina. O político procura reeleger-se para um terceiro mandato e, ao mesmo tempo, é filho de Mario Cuomo, que também foi eleito governador de Nova Iorque por três mandatos, entre 1983 e 1994.

Estreia em debates televisivos dá a Nixon o seu maior palco de campanha. Será suficiente?

Foi esta quarta-feira, dia 29 de agosto, que se realizou o primeiro e único debate televisivo entre CynthiaNixon e Andrew Cuomo, em antecipação à votação das primárias democratas, agendada para o dia 13 de setembro.

Segundo relatou o The New York Times, Cuomo mostrou uma grande resistência em agendar um debate. Após múltiplos desafios lançados por Nixon, Cuomo concedeu a realização de um único debate, transmitido na CBS, quando faltam cerca de duas semanas para a votação.

O debate teve apenas um hora de duração e seguiu uma estrutura fora do habitual, ao dispensar intervenções de abertura ou de encerramento e focando-se apenas em respostas de dois minutos a questões, seguidas de refutações de um minuto:

As sondagens têm mostrado alguma evolução positiva para Nixon. Ainda assim, a candidata continua com uma grande margem de atraso. De acordo com a ferramenta de agregação de sondagens da página Real Clear Politics, Cuomo possui, neste momento, uma média de 59.5 pontos percentuais, com Nixon a ficar-se pelos 26. Uma das sondagens mais recentes, conduzida pelo Siena College Research Institute, aponta para uma intenção de voto em Nixon de 29 pontos percentuais, ficando significativamente afastada de Cuomo em todas as categorias de género, idade, escalão de rendimento, etnia e religião.

O post Cynthia Nixon: de estrela de ‘Sex and the City’ para política nova iorquina aparece primeiro no Espalha-Factos.

 

 

https://www.msn.com/pt-pt/news/other/cynthia-nixon-de-estrela-de-e2-80-98sex-and-the-city-e2-80-99-para-pol-c3-adtica-nova-iorquina/ar-BBMFAli

Compartilhar.

Sobre o Autor

Comments are closed.

Athosgls 21 anos fazendo a diferença na comunidade LGBT Mundial. Marca registrada.