Terça-feira, 28 de Março de 2017
Adicionar a Favoritos RSS Facebook Linkedin Twitter Wordpress
   
Selecione abaixo:



Celebridades LGBT
Filmes/Séries LGBT
Garotas x Garotas
Jurídico
Notícias / artigos LGBT
Pais e Filhos LGBT
Religião
Travestis e Trans
Ultimas Notícias
Videos Lés

Celebridades LGBT

Outras notícias
Atriz de The L Word voltará a interpretar lésbica na série The New Normal
5 atrizes (assumidamente) lésbicas nos seriados de TV
Ator gay critica hipocrisia da Igreja Católica
Marcs Jacobs deve assumir a Dior
Google faz homenagem à Fred Mercury

Testamento Alexander McQueen beneficia instituições, seus cães e família

28/07/2011:

 

A herança que Alexander McQueen deixou para o mundo da moda todos conhecem. Mas, um ano e meio após a morte do designer, chegou a hora de conhecer a herança material que ele deixou para instituições de caridade e seus familiares e amigos queridos.



McQueen
deixou um montante de pouco mais de 16 milhões de libras e boa parte dessa quantia será destinada à instituição de caridade fundada por ele, a Sarabande, com a ressalva de que parte desse dinheiro deve ser investido na Central Saint Martins, tradicionalíssima escola onde o estilista estudou, para bolsas de estudos para novos designers.

 

McQueen não esqueceu do The Terrence Higgins Trust, entidade que promove campanhas de conscientização sobre a AIDS, que receberá 100 mil libras, e do Centro Budista de Londres, para o qual será destinada a mesma quantia.

 

Cesar e Marlena Garcia, empregados da casa dele por muitos anos, receberão £50 mil, "pelo longo e fiel serviço". Para os familiares, McQueen reservou £50 mil para seu afilhado e cada um de seus sobrinhos e seus cinco irmãos receberão £250 mil cada.

 

CenaG

 

Comente esta matéria
Título: Testamento Alexander McQueen beneficia instituições, seus cães e família
Seu nome:
Seu Estado:
Seu e-mail:
Comentário:
Segurança: Confirme o código:
OBS.: Nos reservamos o direito de deletar toda e qualquer mensagem contendo palavões, baixarias ou até mesmo termos homofóbicos. Favor respeitar as devidas fontes de cada matéria.
Comentários
Não há comentários.