Animais Fantásticos: Ezra Miller revela que Os Crimes de Grindelwald deixa claro que Dumbledore é gay

0

Por Vitória Pratini

Ator revelou que cena do Espelho de Ojesed é um exemplo disso.

Ezra Miller, intérprete de Credence Barebone na franquia Animais Fantásticos, acredita que Os Crimes de Grindelwald deixa claro que Dumbledore é gay.

J.K. Rowling confirmou primeiramente que Dumbledore era homossexual em 2007 após o fim da saga literária, e que fora apaixonado pelo famoso bruxo das trevas Gerardo Grindelwald durante sua juventude. Então, quando foi anunciado que Jude Law assumiria o papel do jovem Dumbledore, os fãs criaram expectativa de que a sequência de Animais Fantásticos e Onde Habitam fosse explorar essa parte do personagem. Porém, em duas ocasiões, o diretor David Yates revelou que o então professor de Hogwarts não seria abertamente gay no filme, mas sugeriu que haverá cenas “sensuais” entre os dois personagens.

Segundo Ezra Miller, não é bem assim que a banda toca. Para ele, Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald deixa, sim, claro a sexualidade de Dumbledore, disse o ator em entrevista à Total Film (via IndieWire).

“Para mim, é uma ideia engraçada que toda forma de representação tenha que parecer igual”, criticou Miller sobre o conceito de indústria cinematográfica sobre os ‘queer’. “Para mim, pessoalmente, acho que a homossexualidade de Dumbledore é extremamente explícita neste filme”, revelou o ator, que faz parte da comunidade LGBT.

“Quero dizer, está por toda parte. Ele vê Grindelwald, seu jovem amante, que é o amor de sua vida, no Espelho do Ojesed. O que o Espelho de Ojesed lhe mostra? Nada mais do que o desejo mais desesperado do seu coração. Se isso não for explicitamente gay, não sei o que é”, completou, lembrando o espelho mostrado também em Harry Potter e a Pedra Filosofal. E parece que o amor será correspondido, já que Johnny Depp revelou que Grindelwald tem ciúmes da relação do professor com Newt (Eddie Redmayne).

Miller ainda elogiou a autora J.K. Rowling por anunciar a sexualidade de Dumbledore. “As pessoas também precisam tirar um momento e reconhecer o presente que Jo Rowling nos deu”, disse ele. “[Ela escreveu] um dos maiores personagens da história literária, um dos personagens mais amados em todo o espectro da sociedade civil… E então, no final da escrita dessa série, falou ‘Ah, sim, e ele é gay. O que? Venha para mim’. Ela para sempre será uma deusa por isso.”

Warner Bros.

Desde que a controvérsia começou, tanto Yates quando Jude Law disseram que os fãs deveriam ser pacientes com a franquia. Os Crimes de Grindelwald é somente o segundo filme de uma franquia planejada de cinco filmes, o que significa que há muito espaço no futuro para continuar a explorar a sexualidade de Dumbledore. Além disso, o cineasta afirmou que a franquia não está deliberadamente escondendo que o futuro diretor de Hogwarts é gay.

Quanto à reação em geral, Miller sugeriu aos céticos: “Por que você não espera até ver o filme antes de começar a falar no Twitter? Ou espere para decidir sobre algo pela primeira vez em sua vida. Faça sua própria pesquisa. Decida suas próprias ideias. Siga seu coração, e realmente, realmente investigue situações antes de se identificar e escolher um lado, e comece a jogar coisas na oposição. Porque isso é o que está estragando tudo agora. E isso nos polariza. Somos todos humanos e há muitas coisas com as quais podemos concordar.”

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald chegará aos cinemas no dia 15 de novembro.

 

 

http://www.adorocinema.com/noticias/filmes/noticia-144120/

Compartilhar.

Sobre o Autor

Comments are closed.